Saúde e bem estar

Formigamento nas pernas: o que é, causas e tratamento

Se você nunca ouviu falar do formigamento nas pernas, esse é um sintoma que pode estar associado a diversos males, desde os mais simples aos mais complicados. Um deles é a varizes. Nesse artigo explicaremos o que é formigamento nas pernas e quais são as principais causas desse sintoma.

O que é formigamento nas pernas

Formigamento nas pernas

O termo médico para o formigamento é parestesia – designa a sensação de formigamento ou dormência que acomete mãos, pés, pernas e braços, além de outras partes, como boca e orelhas.

Na grande maioria dos casos, a parestesia é temporária, com o paciente voltando a sentir normalmente regiões do corpo sem que haja necessidade de intervenção.

Já a parestesia crônica pode ser permanente e requer outros cuidados e atenção médica.

Se você ficar sentado ou com as pernas cruzadas por muito tempo, a pressão pode comprimir brevemente os nervos da perna. Isso impede que o cérebro e os nervos da perna “conversem” entre si como deveriam.

Principais causas do formigamento nas pernas

O formigamento nas pernas pode ter várias causas, embora seja bastante comum que esta sensação seja imediatamente associada à falta de circulação no sangue. Entretanto, o leque de possibilidades é bem mais amplo. O formigamento nas pernas pode também ser causado por:

  • Desidratação;
  • Diabetes descompensada;
  • Insuficiência venosa;
  • Compressão neurológica.

Além dessas principais causas, o formigamento nas pernas pode estar relacionado também com défice nutricional, sendo a deficiência de potássio o exemplo mais comum. Outras possíveis causas do formigamento nas pernas incluem:

  • Ansiedade e estresse;
  • Aterosclerose;
  • Diabetes;
  • Fraturas;
  • Mordida de animais;
  • Síndrome de Guillain–Barré.

Sintomas associados

O formigamento nas pernas é um sintoma associado a diferentes problemas e, portanto, também vem acompanhado de outras manifestações do corpo, entre elas podemos citar alguns exemplos:

  • Coceira e câimbra;
  • Pernas pesadas e cansadas (principalmente no fim do dia);
  • Pernas inquietas ao dormir;
  • Dor mal caracterizada;
  • Inchaço;
  • Queimação.

Como evitar o formigamento nas pernas

Vale ressaltar que apenas manter uma alimentação saudável e rica em todos os seus grupamentos já deve ser o necessário para evitar essa deficiência. Associado a isso, está o consumo de muito líquido para evitar desidratação. Em último caso pode ser oferecido na forma de suplementos.

Procure ajuda profissional

Se você está sentindo formigamento nas pernas e pés, o melhor que você pode e deve fazer é buscar ajuda médica. O médico lhe indicará o tratamento adequado ou medidas para melhorar a sua condição, que poderá envolver exercícios de elevação dos membros inferiores, o uso de meias elásticas, medicamentos venotônicos e até mesmo a cirurgia, dependendo do seu caso.

Leia também:

error: Content is protected !!

Adblock Detectado

Por favor, desactive o seu bloqueador de anúncios para ter acesso ao conteúdo do nosso blog. Obrigado!