6 Empresários angolanos de sucesso

Em toda a parte do mundo há pessoas que, através da dedicação ao mundo dos negócios se tornaram bem-sucedidos, e em Angola com certeza não é diferente.

Existe vários angolanos que são hoje exemplos de sucesso no mundo dos negócios e que podem servir de inspiração para muitos que desejam começar a empreender em Angola em busca do sucesso financeiro.

E então, você quer conhecer alguns deles? Se sim, então continue lendo o conteúdo até ao final.

6 Empresários angolanos de sucesso

6 Empreendedores angolanos de sucesso

É claro que existem ainda vários outro empreendedores e empresários angolanos de sucesso em Angola e outros espalhados pelo mundo, porém, muitos deles preferem não dar a cara a mídia para falar de como são bem-sucedidos.

Por isso, nesta lista apresento para você apenas 6. Mas, quem sabe um destes sirva de inspiração para você?

Confira abaixo a lista dos empreendedores e empresários angolanos de sucesso:

1. Isabel dos Santos

Isabel dos Santos dispensa apresentações.

Filha do antigo presidente da República de Angola e conhecida como a Mulher mais rica da África. Em 2011, seu nome entrou para lista dos mais ricos do mundo da revista Forbes, na categoria de mulher mais rica de África com uma fortuna de cerca de três mil milhões de dólares.

A grande empresária angolana tem empreendimentos nos sectores de telecomunicações, banca, tecnologia e energia, e possui participações em mais de 400 empresas espalhadas pelo mundo, das quais 155 são portuguesas, entre as quais Banco BIC Português, NOS, Galp Energia, Efacec, Lusitânia, Santoro finance, etc.

Já em Angola, possui participações em empresas como: Banco BIC S.A, Espaços Angola, Imoluanda, Urbinveste, Banco de fomento Angola (BFA), Holdfinance, Portgest Angola, Banco econômico, Sonangalp etc. Você pode conferir a lista de empresas das quais Isabel dos santos possui participações neste link.

2. António Segunda Amões

Mais conhecido por Camela Amões, nasceu a 20 de fevereiro de 1969 em Angola e morreu aos 4 de dezembro de 2020 na África do sul.

Em vida foi engenheiro e empresário multimilionário, detendo várias empresas em países como Angola e África do Sul.

Fundou em Angola, por volta dos anos 1991 a angostroi, uma empresa de construção civil que chegou a ser líder de mercado.

Já na África do sul, fundou em 1998 a CSA – Chilingutila Segunda Anões, suma empresa inclinada ao ramo de investimentos, participações e gestão de activos, nos ramos de negócios como banca, hotelaria e imobiliária.

3. Jaime Freitas

Jaime Freitas é um angolano que nasceu em uma família de origem portuguesa, cidade do Lubango, província da Huíla em Angola.

Começou a investir no tempo colonial com a fundação do grupo Cosal, considerado um dos maiores grupos privados de África, actualmente responsável pela importação e venda de marcas de automóveis como: Hyundai, Fuso, Suzuki, Yamaha, Mercedes Benz e Mitsubishi.

O Grupo Cosal, para além do sector automóvel, é responsável pelo:

  • La Rochelli Safari Resort – Namíbia
  • Pululukwa Resort – Lubango
  • Restaurante dos Lagos – Lubando
  • Hotel Samba executiva – Luanda
  • Restaurante Mulemba – Luanda
  • Restaurante embarcadouro – Luanda
  • Restaurante Mokoro – Luanda
  • Roça das mangueiras Resort – Luanda

E tem mais, o grupo Cosal é também responsável pela importação e distribuição de lubrificantes Castrol.

Mas ainda assim tudo isso não é só. O empresário angolano tem um histórico repleto de conquistas desde longos anos atrás. Por exemplo:

  • 2006 – Adquiriu a Tecnoma
  • 2007 – Adquiriu cerca de 3,13% do banco comercial angolano (BCA) por 4 milhões de dólares.
  • 2009 – Adquiriu a participação de 12% do banco caixa geral de Angola,
  • 2012 – Movimentou com o Grupo Cosal mais de mil milhões de dólares em vendas de automóveis, com mais de 35mil viaturas vendidas.
  • É detentor de 77% da Interauto, empresa avaliada em mais de 200mil dólares, e tem uma pequena participação na Tecomat.
  • 2014 – Adquiriu 50% do grupo Português Mcoutinho por 20 milhões de dólares.
  • Em 2016 – adquiriu 3,25% do banco de negócios internacional Europa, de Portugal, por 9,25 milhões de euros. [fonte wikipedia].

Apesar de tudo isso, é bem possível que de lá para cá o empresário angolano tenha somado mais conquistas a sua coleção.

4. N’gunu Tiny

Ngunu Olívio Noronha Tiny é um empresário angolano nascido em Angola. Lecenciado pela faculdade de direito da universidade nova de Lisboa.

Tiny é advogado, banqueiro e acadêmico.  Foi PCA do banco postal de Angola, é hoje dono da Emerald Group, seu nome ficou ainda mais famoso após comprar a licença da Revista Forbes Portugal, editada pela Zap e detida a 70% por Isabel dos Santos.

 

5. Rui Silva

Rui Silva é um dos poucos empresários angolanos reconhecidos pela revista norte-americana Forbes, aquando do lançamento da sua loja de vestuários para vender stock de marcas de roupa conhecidas, denominada RBS.

Em 2015, a RBS foi considerada a loja de pronto-a-vestir angolana líder de mercado, caracterizada pela inovação no design, qualidade e preços acessíveis.

Actualmente, Rui Silva é também CEO do restaurante Club S.

6. Beatriz Franck

Beactriz Franck nasceu em Cabinda, Angola, seu nome se tornou conhecido após fundar, em 2018, a marca Beatriz Franck, que vende coleções de roupas femininas em Angola. O negócio cresceu e hoje a empresa já conta com uma loja virtual para facilitar a vida de quem prefere comprar pela internet.

Conclusão

Você acabou de ver uma lista com 6 empresários angolanos de sucesso. Então, o que você achou deles?

Você encontrou alguma inspiração?

Seja lá como for, é importante ter em conta que para ser um empreendedor ou um empresário de sucesso e somar milhões de dólares na sua conta você precisa trabalhar muito e fazer do seu sonho uma prioridade.

Se você deseja se tornar um empreendedor de sucesso em Angola e não sabe por onde começar, saiba que temos aqui os melhores artigos sobre empreendedorismo para você. Confira abaixo alguns artigos que poderão ajudá-lo bastante nesse sentido:

Compartilhe o artigo
error: Conteúdo protegido !!