Saúde e bem estar

Saiba o que fazer depois de tirar o gesso

Tirei o gesso, e agora? Depois de tirar o gesso, é normal que muitos apresentem dúvidas do que fazer. O pensamento comum é que tudo volta ao normal logo após o gesso ser retirado, no entanto, muitos acham que podem voltar a praticar qualquer atividade física sem problemas algum. Mas, não é assim que funciona.

Tirar o gesso não é sinal de que tudo voltou ao seu completo normal, ou que você pode voltar a usar seu membro em atividades físicas que costumava realizar. Nessa fase, ainda são necessários alguns cuidados para evitar qualquer complicação.

Antes de tirar o gesso, o médico fará alguns exames ao seu membro engessado e, se tudo parecer bem, fará a remoção do gesso com uma pequena serra elétrica, que corta o material fundido, mas para antes de tocar na pele, por isso, não há nada que possa machucar a sua pele durante a remoção do gesso, o mínimo que você pode sentir são algumas cócegas.

Depois que seu membro já estiver fora do gesso, o médico fará mais um exame e verificará se há dor e se você tem uma boa amplitude de movimento. Em casos de ainda existirem dores ou dificuldades para mover o membro, é geralmente dado uma tala para usar até que cicatrize mais.

Contudo, mesmo depois que o gesso é removido, são necessários outros cuidados. Veja abaixo o que fazer depois de tirar o gesso:

O que fazer depois de tirar o gesso

1ª coisa a fazer minutos depois de tirar o gesso: Depois de tirar o gesso você poderá notar sensibilidade em sua pele. Várias pessoas após tirar o gesso ficam coçando ou esfregando a pele morta do membro que estava engessado, mas, ao invés disso, você deve lavar a pele suavemente com sabão neutro e água morna usando um pano macio ou compressas de gaze.

Se você teve ferida aberta quando o membro foi quebrado você poderá notar que sua pele tem crostas, entretanto, evite coçá-las, pois ao coçar, poderá danificar a pele e causar infeções.

O melhor a fazer é resistir ao impulso e caso ainda haja uma ferida aberta, seguir as recomendações do seu médico a respeito de como deve tratá-la.

Caso seu membro tenha ficado engessado por 3 semanas ou mais, mergulhe a pele em água morna por cerca de 20 minutos, duas vezes ao dia, nos primeiros dias após a remoção do gesso. Esfregue suavemente a pele com uma toalha macia, mas tenha em mente que esfregar a pele com muita força pode danificar a nova pele.

Para ajudar a interromper a coceira e acelerar a cicatrização, passe loção depois de limpar a área onde estava o gesso, entretanto, prefira uma loção sem fragrância, já que os perfumes podem irritar a pele delicada ou sensível por estar engessada. Loções feitas com manteiga de cacau funcionam bem.

Fisioterapia

A fisioterapia é muito importante após a remoção do gesso. Ignorar a fisioterapia pode fazer com que você fique com sequelas ou limitações.

A fisioterapia ajudará a recuperar o movimento da articulação e diminuir a rigidez. Entretanto, se você não tiver possibilidade de ir com frequência ao fisioterapeuta, poderá pedir que lhe receite alguns exercícios para fazer em casa, afinal, o importante mesmo é não ignorar a importância disso após tirar o gesso

Quando devo chamar o médico

Depois de tirar o gesso, é comum não haver outro problema, sobretudo em adolescentes. Mas, é recomendado chamar o médico se a parte ferida do corpo começar a doer ou se pele ficar vermelha, inchada ou dolorida.

Leia também:

error: Content is protected !!

Adblock Detectado

Por favor, ajuda-nos a manter este site, desactivando o seu bloqueador de anúncios para ter acesso ao conteúdo. Obrigado!