Saúde e bem estar

Grávidas podem tomar chá de gengibre?

Grávidas podem tomar chá de gengibre? O gengibre é uma raiz usada tanto na culinária quanto na medicina, conhecido principalmente por seus benefícios terapêuticos, como efeito desintoxicante, ação bactericida e melhora no desempenho do sistema digestivo, respiratório e circulatório. Mas será que é saudável para as gestantes?

Leia este artigo até ao final e saiba tudo em torno desse assunto.

Grávidas podem tomar chá de gengibre?

Chá de gengibre
Chá de gengibre

Médicos defendem que tomar chá de gengibre é seguro para as gestantes e para o feto. O chá de gengibre possui ação anti-inflamatória, podendo ajudar no alívio de dores de cabeça, como a enxaqueca, além de ser uma opção natural para aliviar náuseas e azia.

Além disso, o chá de gengibre ajuda a reduzir o colesterol, previne a formação de coágulos e ajuda na redução do inchaço no corpo, promovendo a sensação de diminuição de peso.

Contudo, especialistas alertam as gestantes a consumirem o chá de gengibre de forma correta, não ultrapassando a dose de 1 grama de raiz seca por dia, por um período máximo de 4 dias seguidos.

Riscos de tomar chá de gengibre de forma exagerada

Se for consumido em grandes quantidades, o chá de gengibre pode aumentar o risco de aborto ou causar malformações. Por esta razão, é muito importante controlar a ingestão da bebida, sempre respeitando as orientações médicas.

Grávida pode tomar chá de gengibre para gripe?

O gengibre possui ação contra gripes e resfriados. O gengibre ajuda a combater os sintomas como:

  • Tosse;
  • Dores de garganta;
  • Perda de voz;
  • Dores musculares e dores de cabeça.

Isso porque a raiz é rica em vitaminas como a B6 e a C, que auxiliam o sistema imunológico a criar anticorpos.

Grávida pode comer gengibre para enjoo?

O gengibre pode sim ser ingerido pelas gestantes, mas de forma moderada (cerca de 1 ou 2 rodelas finas). O gengibre é um dos aliados no combate a enjoos, também recomendado para vômitos, pois atua no sistema nervoso central controlando os receptores da serotonina (que impedem as náuseas).

O gengibre pode fazer mal a gravidez?

No geral, o gengibre não possui nenhum efeito negativo para a gravidez, se for consumo corretamente e por gestantes saudáveis. Vale deixar claro que é recomendado que além de consumir o gengibre, é importante que se evite alimentos de difícil digestão (gordurosos ou com muito açúcar) e se sejam mantidos hábitos adequados.

Como preparar o chá de gengibre

Preparar o chá de gengibre é simples e fácil. Para o efeito:

  1. Rale o gengibre fresco em uma chaleira;
  2. Adicione 200ml de água e leve ao fogo, deixando ferver por cerca de 15 minutos;
  3. Em seguida, coe o chá e beba, de preferência, sem açúcar ou adoçante.

Quais os benefícios do gengibre na gravidez?

O consumo correto do gengibre pela gestante possui benefícios para a sua saúde e para a saúde do bebê, alguns dos quais estão listados abaixo:

Para a gestante

  • Alivia os enjoos;
  • Diminui o inchaço;
  • Controla a glicemia;
  • Ameniza as dores (de cabeça, de barriga ou musculares);
  • Combate o aumento do colesterol ruim (LDL);
  • Combate a prisão de ventre.

Para o bebê

Fortalecimento do sistema imunológico.

4 chás seguros para problemas da gravidez:

  1. Chá de gengibre: azia, náuseas e vômitos
  2. Chá de arando: infecção urinária;
  3. Chá verde: cansaço e falta de energia;
  4. Chá de ameixa seca: prisão de ventre.

Leia também:

Você também pode gostar de:

Adblock Detectado

Por favor, ajuda-nos a manter este site, desactivando o seu bloqueador de anúncios para ter acesso ao conteúdo. Obrigado!