Viagens

Como é morar em Angola?

Como é morar em Angola?

Viver em Angola significa viver num espaço muito diferente e exótico, estar exposto a uma realidade tão diferente para aqueles que vêm de um país do primeiro mundo habituados a ver as coisas de uma perspectiva diferente, aprende-se coisas inesperadas e, em última análise, contribuímos activamente para o nosso objectivo final de desfrutar da vida.

Assim como existem vantagens e desvantagens em viver em qualquer outro país do mundo, em Angola não é diferente.

Aqui vamos mostrar algumas situações positivas e negativas que quem vive em Angola precisa aprender a viver com elas.

Como é morar em Angola

Sistema de transporte público, água e electricidade ineficientes

 Alugar uma casa em Angola tem muitas peculiaridades, para além de todas as outras coisas que temos de lidar com elas que são semelhantes ao resto do mundo, temos de ter a certeza de que temos a possibilidade de arranjar um meio alternativo na falta destes 3 elementos essenciais!

Isto significa que temos de garantir que não exigimos de entidades públicas em Angola fornecedoras destes bens serviços.

Elas existem e oferecem os seus serviços quando lhes convém.

A realidade é que os serviços públicos angolanos não são de confiança e não podemos confiar 100% neles, o que significa que temos de garantir que temos a capacidade de os substituir quando falham.

Portanto, a sua casa deve ter um gerador e uma bomba de água, deve estar bem localizada e ter acesso a um carro privado.

Qualidade do sistema educativo

 A educação é uma das componentes a considerar quando se vive em um determinado país, especialmente para aqueles que têm filhos em idade estudantil ou que querem estudar numa universidade.

O sistema de ensino público em Angola não é completamente gratuito, uma vez que os pais pagam os materiais escolares e a alimentação dos seus filhos, mas o custo é constantemente proporcional ao rendimento de cada família.

Quanto às universidades, mesmo as universidades públicas também são ‘’gratuitas’’, mas infelizmente a qualidade da educação não é ainda das melhores.

Para além do sistema público, há também escolas e universidades privadas que são muito mais caras, mas a educação poderia ser melhor, especialmente nas primeiras fases de aprendizagem.

Sistema de saúde pública precário

Outro item da lista para considerar quando o assunto é morar em Angola é a saúde!

O sistema de saúde pública angolano é gratuito, mas existem situações em que o paciente tem de suportar determinados custos relacionados com o seu tratamento.

Em geral, pode dizer-se que o sistema de saúde em Angola é bastante precário e que ainda não responde efectivamente as necessidades da população.

Segurança

 Segurança é um ponto muito importante para quem está buscando qualidade de vida em outro país.

 Angola não é um país violento, mas é importante estar constantemente em guarda devido ao ambiente desconhecido e à incerteza quase constante.

Habituamo-nos a verificar se estamos realmente a fechar a porta da frente e a bloquear o carro, se existe alguém nos seguindo, se a vizinhança é segura, se estamos a conduzir ou a andar.

Comunicação

 Infelizmente, as operadoras de serviços de tv, telefonia e Internet não são muito boas e também são bastante caras, mas temos de aprender a viver com elas…não há muito que possamos fazer.

A cultura em cada um dos lugares do país

 Angola é um país rico em história e paisagens arquitectónicas notáveis e uma área de enorme riqueza cultural!

Cada região de Angola tem as suas próprias características, mas cada uma delas forma a sua cultura baseada na melodia, festas típicas, gastronomia e religião.

Actividades para todos os gostos

 Para além do teatro, espectáculos, museus e performances, Angola oferece também oportunidades de recreação ao ar livre com as suas praias.

Por isso, viver em Angola significa ter um horário de lazer diferente todos os fins-de-semana!

Para aqueles que têm filhos, para além das praias, Angola oferece alguns parques de diversão, museus, etc.

Aprender a negociar

Os vendedores de rua fazem parte da cultura angolana. Uma coisa boa é que se pode negociar muito os preços, um pouco ou nada, dependendo do quão habilidoso se é.

Com o tempo, habitua-se tanto às compras de rua e ao pedido de descontos, especialmente conhecendo os preços de mercado.

Nota final

Depois de cada uma das razões que até agora listamos do que significa viver em Angola, podemos dizer que Angola é um país com seu próprio encanto e, é importante que as pessoas vindas do estrangeiro saibam que ainda estão a chegar a uma área completamente diferente e não podem esperar ter tudo o que têm no seu país de origem.

A chave para tudo isto é simples: a capacidade de se adaptar e desfrutar de tudo o que o país tem para oferecer.

A adaptabilidade é inerente a quase toda a gente, depende apenas de querer ou não adaptar-se a todo um mundo novo.

Maia artigos:

error: Content is protected !!

Adblock Detectado

Por favor, ajuda-nos a manter este site, desactivando o seu bloqueador de anúncios para ter acesso ao conteúdo. Obrigado!